No final dos anos 1950, a renomada arquiteta Lina Bo Bardi (1914-1992) se incomodava com uma questão: o design de mobiliário brasileiro tomava proporções muito industriais, tornando-se produtos de puro consumo descartável. Nesta época, ela passou a desenvolver peças de técnicas simples, sempre vinculadas a seus projetos. É sobre essa temporada de criações, que data de 1959 a 1992, que a exposição “O Impasse do Design” ressalta, até 31 de julho, na Casa de Vidro.  Cerca de 13 peças originais estão presentes na mostra que reúne, ainda, fotografias, croquis e documentos do processo criativo da italiana radicada no Brasil. São bancos, cadeiras e outros objetos que compõem o mobiliário do MASP, do Museu de Arte Moderna da Bahia e do Sesc Pompéia. Casa Vogue esteve por lá para um tour, guiado pela presidente do Instituto Lina Bo e P.M Bardi, Sonia Helena Guarita do Amaral.

f18

Quando: até 31 de julho
Horário: de quinta a domingo, das 10h às 16h (com permanência até 16h30)
Endereço: Casa de Vidro – Rua General Almério de Moura, 200 – Morumbi, São Paulo.
Entrada grátis

Fonte: Casa Vogue.

Anúncios